Latidos & Miados, by Dani e Viviane

Latidos-Miados-armazem-de-ideias-ilimitada-vacinas-izzy

Izzy | 8 meses
No dia 2 de setembro de 2017 apareci assustado e cheio de fome perto da casa da minha "nova família". Tinha sido abandonado. Tinha 4 meses. Ela acolheu-me e cuidou de mim. Deu-me o que precisava: comida, levou-me à Sra. Dra. para cuidar de mim, mas principalmente deu-me muito amor. Chamaram-me de Izzy, talvez pela "facilidade" com que esta empatia começou. Desde então que me sinto feliz por ter muito carinho, mas por também saber que faço os meus tutores muito felizes com a minha companhia. Sou considerado o "mano mais novo". Imagine-se! E a minha tutora nunca gostou de gatos!!! 😺 (Foi muito Izzy conquistar o seu coração 😻). Sou muito brincalhão e Adoro ser aspirado e tomar banho. Ah! E de me esconder!!! Dizem que sou diferente! Talvez por isso tenha feito "A Diferença" na vida desta família. 


Latidos-Miados-armazem-de-ideias-ilimitada-vacinas-sushi


Sushi | 5 meses

Nasci no dia 12 de agosto de 2017! Adoro roubar as pantufas e os ténis da Raquel, a minha querida tutora. Eu sei que mudei a sua vida a 1000%… mas para melhor! 
Ela diz que sou a sua princesa de 4 patinhas 😊
 E sabem que mais? Tenho uma mancha branca no peito em forma de coração. As minhas patas parecem pantufinhas brancas e a minha cauda tem a ponta branca, faz lembrar um pincel!

Latidos-Miados-armazem-de-ideias-ilimitada-vacinas-izzy


*****

Vacinação em cães e gatos
Assim como nós, os animais também devem ter cuidados especiais com a saúde e a vacinação, primeiro porque mantém seu animalzinho saudável e segundo porque evita a disseminação de doenças para outros animais, diminuindo assim a incidência de doenças graves. A vacinação é de vital importância durante toda a vida do animal, por isso deve ser mantida em ordem e com a carteirinha sempre organizada. Mas para o filhote a importância da vacinação se torna ainda maior, já que quando nascem contam somente com os anticorpos passados pela mãe através do leite. Com o passar do tempo essa proteção desaparece e os filhotes ficam vulneráveis. Por esse motivo, é muito importante saber que a vacinação do seu animal deve ser rigorosa.

Sabemos que existem várias doenças que acometem tanto cães como gatos e que podem ser fatais, como por exemplo, a cinomose em cães. Por esse motivo, foram desenvolvidas vacinas que evitam algumas dessas infeções graves que são transmitidas por vírus e bactérias. Então, vamos conhecer um pouco mais sobre essas vacinas e sua importância.

Cães
Atualmente temos disponível no mercado dois tipos de vacinas: as polivalentes que protegem contra várias doenças em uma só vacina, como por exemplo a óctupla (V8) e déctupla (V10), e temos também as monovalentes que protegem contra giárdia (protozoário intestinal), gripe (tosse dos canis), leptospirose, leishmaniose e a antirrábica.


Latidos-Miados-armazem-de-ideias-ilimitada-vacinas-sushi

As polivalentes são doses obrigatórias para filhotes, repartidas em 3 doses a partir dos 40-45 dias de vida e depois o reforço é anual. Das monovalentes, a antirrábica também é de uso obrigatório, mesmo que em seu país a raiva esteja erradicada. Já as demais são feitas 2 doses após a aplicação das polivantes e depois também é feito reforço anual.

A vacina óctupla protege contra 8 tipos de doenças, são elas: cinomose, parvovirose, 2 tipos de leptospira, hepatite infeciosa, coronavírus, parainfluenza e adenovírus tipo 2. Já a déctupla protege contra essas 8 doenças e possui mais 2 tipos de leptospira diferentes. Como dito acima, existe também a monovalente para leptospirose, feita em esquema semestral para cães em área de alto risco, e a da leishmania que são feitas em áreas endêmicas.

Gatos
Para os felinos também temos as vacinas polivantes: quádrupla (V4) e quíntupla (V5) e tem a monovalente antirrábica. Para gatos, as vacinas também são obrigatórias com reforço anual.


Latidos-Miados-armazem-de-ideias-ilimitada-izzy-vacinas

A vacina quádrupla (V4) protege contra: panleucopenia felina, calicivirose, rinotraqueíte e clamidiose. A quíntupla (V5) protege essas 4 doenças e mais a FelV (leucemia viral felina).

No caso dos gatos, nem todos têm indicação para tomar a vacina quíntupla. Antes de administrar a vacina, o animal deve ser testado para FelV, pois pode ser um portador assintomático da doença e, nesse caso, contraindica o uso da vacina.

Sendo assim, cuidem muito bem do seu bichinho de estimação, ele merece todo cuidado e atenção com sua saúde tanto quanto a nossa. Vacinar é um ato de amor!

Dani & Viviane


*********

Já sabem, se tiverem dúvidas sobre alguma questão relativa aos vossos amigos de quatro patas, enviem-nos um mail que nós reencaminhamos para as nossas queridas veterinárias :) E se quiserem que o vosso mais fiel amigo seja uma das estrelas do blog, só precisam de enviar-nos fotos!

E o que acharam das estrelas desta crónica? 



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.