No Place Like Home

Grater Divide de Mona Hatoum


A exposição experimental "No Place Like Home" faz-nos deambular por uma realidade alternativa. Como se estivéssemos num sonho surrealista. Como se a casa que nos acolhe tivesse sofrido uma transformação onde os seus objetos ganham uma nova escala, uma nova perspetiva. Senti-me quase uma Alice no País das Maravilhas. Não havia um Gato de Cheshire, mas estava lá o Mr. DOB uma personagem híbrida rato/macaco que me encantou, da autoria de Takashi Murakami.

Mr. DOB de Takashi Murakami


Este é o poder da arte. Nesta "quase-casa dentro do Museu" existem objetos que têm tanto de encantadores quanto de misteriosos. A possibilidade de criar uma casa desconcertante, que estimula a nossa criatividade e a nossa capacidade de leitura, permite que vejamos as coisas de uma outra perspetiva, colocando-nos fora da nossa zona de conforto. Para mim, "No Place Like Home" foi como que uma viagem ao fantástico, a um mundo paralelo. 

Wrap Around the World Man de Nam June Paik
"Wrap Around the World Man" de Nam June Paik

Patente no Museu Coleção Berardo (Centro Cultural de Belém), esta exposição teve origem no Museu de Israel (2017) e conta com mais de 100 objetos de artistas dos últimos 100 anos, tais como: Marcel Duchamp, Andy Warhol, Mona Hatoum, Nam June Paik, Marepe, entre outros. Esta é uma colaboração entre Jerusalém e Lisboa com a curadoria de Adina Kamien-Kazhdan.

Brillo Box de Andy Warhol
Rio Fundo de Marepe

"No Place Like Home" celebra, também, o 101º aniversário da icónica "Fonte" de Duchamp, um urinol invertido (1917/edição de réplica, 1964) que se encontra, naturalmente, na "Casa de Banho", desta casa que pode ser "vossa" até dia 03 de junho.

Fonte de Marcel Duchamp

A exposição conta com o apoio da IKEA e, portanto, quem tiver o cartão IKEA Family tem direito a desconto. Aconselho-vos a fazerem a visita com audioguia. É muito mais enriquecedora e permite-vos explorar até à exaustão os conceitos das obras e os seus significados implícitos. Para além disso, ao adquirirem o bilhete para "No Place Like Home" têm acesso a todas as exposições patentes no Museu Coleção Berardo.

No Place Like Home - Museu Coleção Berardo

Quem é que já visitou esta exposição? O que sentiram?

Rosarinho

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.