Bons Sentimentos, by Marisa Pedroso


Às vezes fazem-nos mal e nós reparamos nisso, pela maneira que nos estamos a sentir.

Muitas pessoas procuram-me, porque sentem raiva e frustração e desejam um desfecho justo para todas as partes e, especialmente, para si mesmas.

Quando alguém lhe faz mal, pense que a justiça divina vai tratar de quem prejudicou a sua vida. E não se preocupe com isso. Quanto mais se preocupa, mais longe fica da verdade.

E esteja alerta, porque aquilo que lhe aconteceu também foi a resposta da natureza ao que você precisava de sentir e saber. Parece que está tudo certo! Que seja o seu foco, as suas próprias ações! Reflita sobre o seu retorno.

Parece que o que acontece consigo é o que você faz consigo mesmo e com os outros. Essa resposta chega sempre e, por vezes, disfarçada.

O que os outros fazem consigo, só eles podem saber. As intenções das pessoas, só o céu conhece.

A justiça divina justa preocupa-se e faz-se quando o foco é você mesmo.

Tente melhorar em cada dia. Viva o seu propósito e lembre-se do amor quando não o encontra. Ele sabe sempre onde você anda. 

Ligue-se à meditação e à caminhada. Busque pela natureza e pelo sentir do seu coração.

A vida vai passar depressa. Ela fala-lhe sempre do propósito da sua alma e ela é tão sábia que permite que seja leve, livre e feliz. Sem medos, preocupações, pesos e bloqueios.

Respire fundo, está tudo certo, está tudo bem. Só precisa de se abrir a isso.

Conheça um lugar melhor, que você mesmo criará dentro de si e onde todos gostariam de pertencer.   

A vida cuida de todos e para evoluir precisa de confiar nisso e de sair do seu caminho para olhar de fora e para outros.

Talvez deixe de pensar tanto em si e nos benefícios da sua situação. Você só faz parte dela.

Todas as coisas, boas e menos boas, chegarão para todos. Quando percebemos que somos um, ficamos mais calmos e com Bons Sentimentos.
Marisa Pedroso

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.