A Minha Vida em... Música

A-Minha-Vida-em-Música-Coldplay-armazem-de-ideias-ilimitada


Eu ainda sou do tempo do hi5! Lembram-se?! Mas por que estou eu a falar do hi5 numa crónica sobre música? Explico já de seguida.

É que na breve descrição que tinha sobre a minha pessoa nessa 'primitiva' rede social repetia (vezes sem conta) que adoro… Coldplay!

E adoro mesmo! Desde a primeira vez em que ouvi o álbum "Parachutes", a minha vida nunca mais foi a mesma… musicalmente falando.

Só que, atualmente, tenho uma espécie de 'mixed feelings' quando o assunto é a banda de Chris Martin e companhia. Mas para perceber isto, tive de viajar no tempo até aos primórdios, basicamente regressar a "Parachutes". Aaah, e como eu adoro 'viajar' até "Parachutes"!

Mas não pensem que fiquei 'presa' em "Yellow" ou "Trouble", na altura, os singles de maior sucesso e que mais passavam nas rádios e TV. Bem, também não quero com isto dizer que gosto menos destas duas músicas, antes pelo contrário, também as adoro! Só que ADORO todo o álbum!

De "Don’t Panic", passando por "Shiver" (que 'musicão'!), nem sei o que dizer de "Spies", ou para onde sou transportada quando oiço "We Never Change"... ai ai, eu adoro Coldplay! Já tinha dito, certo?!

Acontece que o percurso destes rapazes evoluiu de tal forma, que são nos dias de hoje uma das maiores bandas do mundo inteiro e arredores! Só que com esta evolução, veio também um 'afastamento' daquele 'je ne sais quoi' que me fez apaixonar pelos Coldplay!


A-Minha-Vida-em-Música-Coldplay-armazem-de-ideias-ilimitada

E se me apaixonei pela banda londrina com "Parachutes", quando lançaram "A Rush of Blood to the Head" o meu coração 'explodiu' de tanto amor por estes rapazes! Sim, ao nível de adquirir posters e tudo! E o que hei de dizer quando saiu o 'spin-off' "A Rush of B-Sides to Your Head"?! OMG! You get the picture, right?

Ok, como este amor começou bem lá atrás, e terei aqui mais oportunidades para falar de outras músicas dos Coldplay, a "Escolhida" de hoje pertence ao álbum de estreia "Parachutes" e é a lindíssima… "Everything’s Not Lost"!

Adoroooooo a letra, porque, sim, todos temos os nossos 'demónios', mas isso não significa que tudo esteja perdido, right? Só temos de saber dar ouvidos aos 'demónios' bons! A sério, oiçam com atenção esta letra lindíssima. A mensagem que passa é quase uma espécie de "se não podes vencê-los, junta-te a eles", para aqueles momentos da vida, menos bons, em que pensamos que está tudo perdido. O que o Chris Martin e companhia nos dizem é que mesmo com os 'good [demons] ones on my shoulder'... "Everything’s Not Lost".


Por isso, neste início de semana deixo-vos com esta música magnífica dos Coldplay para 'afastar os demónios maus' e abraçar os 'bons' Eu já abracei os meus, e vocês?

Susana Figueira

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.