Aniversário escreve-se com 'R'

Aniversário

Aniversário escreve-se com 'R'. 'R' de Rosária! Hoje celebro o meu dia e quero partilhar convosco a importância da letra 'R' na minha vida. Para além de ser a letra do meu nome, é a letra de algumas palavras que me acompanham quase todos os dias: Rir, Remar, Relembrar, Respirar, Relaxar, Renascer. 

RIR,
sempre! O riso faz milagres! Rir das coisas boas, rir dos disparates, rir das coisas menos boas, rir de nós, rir depois de chorar...
Quando nos rimos sentimos uma sensação única de liberdade, contagiamos quem está ao nosso lado (até os mais sisudos), vibramos por dentro. Rir com os amigos, com a família, com a natureza, com um filme divertido, com uma música que nos inspira... Rir é poder!

Aniversário

REMAR,
em direção ao meu propósito de vida. Agarrar, todos os dias, nos remos e avançar de peito aberto, sem medos, seguindo as indicações do meu coração. O caminho do sonho que trago dentro de mim, pode não ser fácil, mas nem por isso deixo de o fazer. Remar contra a maré. Não me entregar na primeira dificuldade, não baixar os remos. Remar rio acima com a força do acreditar. Sei o que quero! No meu sangue corre a coragem de grandes navegadores. Remar rio abaixo, enfrentando os rápidos, os adamastores desta vida! Remar leva-me mais longe.

Aniversário

RELEMBRAR,
as coisas boas do nosso dia. Focar no essencial, no que realmente importa. Ter consciência de que o menos bom também é importante. Perceber porque aconteceu faz todo o sentido. Mas guardar no coração a magia subliminar dos momentos mais especiais do nosso dia é um bem de primeira necessidade. Relembrar que fomos capazes de ultrapassar aquele obstáculo chato que tínhamos à frente, relembrar que nos superámos, relembrar que recebemos aquele abraço, relembrar o cantar do pássaro matinal, relembrar a cor do céu num pôr do sol, relembrar o chá que bebemos na companhia de alguém especial, relembrar a amabilidade de alguém que não conhecíamos. Relembrar o melhor do nosso dia é um exercício diário.

Aniversário

RESPIRAR,
com consciência. Aprendi que parar, ser, sentir e respirar são tão importantes como os alimentos que ingerimos para saciar o nosso corpo. Respirar profundamente liga-nos à nossa essência. Respirar profundamente permite-nos estarmos com atenção plena em nós. Estar focados na nossa respiração, nem que seja por um período de 3 minutos, diariamente, permite entrar em contacto connosco e ouvir o que o nosso coração tem para nos dizer. Respirar com consciência é desligar o botão que nos coloca em piloto automático. É saber quem verdadeiramente somos. Respirar é tudo!

Aniversário

RELAXAR,
confiando que, no fim, tudo vai correr bem. O que tiver de ser será. Portanto, nada de stressar. Não adianta, só atrapalha! Já fui muito stressada e já sofri muito por antecipação (às vezes, ainda sofro). Relaxar é importante para a nossa sanidade mental. Neste mundo de constantes solicitações, de correrias e urgências diárias, deixar fluir, fazer o nosso melhor, relaxar e acreditar, ajuda-nos a resolver situações que, muitas vezes, nos tiram energia. Hoje em dia, mediante um problema, tento colocar a minha postura de confiança, sabendo que no fim tudo se resolve. Afinal, há ou não há solução para tudo? Pode não ser a melhor, a que ambicionávamos, mas tudo se resolve e relaxar é meio caminho andado para ver a solução que, muitas vezes, está mesmo à nossa frente.

Aniversário

RENASCER,
no dia do meu aniversário. Ao contrário de muitas pessoas que sentem o dia de aniversário como um peso, eu sinto-o como um Renascer. Vim aqui para ser feliz. É isto. Por isso, celebro cada ano que passa e cada ano que chega. Renasço em cada vela que apago no bolo doce da vida! Renasço em cada mensagem que recebo de felicitação. Renasço nos "parabéns a você" que ecoam à minha volta. Renasço ao som dos copos que brindam. Renasço quando me olho ao espelho e me conheço. Esta sou mesmo eu! Na verdade, renasço todos os dias. Renasço com um espreguiçar sentido e uma gratidão imensa por mais um dia cheio de oportunidades.


E talvez por estas palavras me acompanharem diariamente, hoje, com 48 anos nunca me senti tão viva, tão jovem! Na minha cabeça não são os anos que contam! O que conta são todas as coisas que já vivi, todas as pessoas que já conheci, todas as lições que aprendi, todos os sonhos que alcancei, todos os livros que li, as viagens que fiz, os abraços que dei e recebi, todas as superações e todos os medos, todas as lágrimas (de alegria e tristeza)! Nem sempre foi assim. Confesso. Mas a vida ensinou-me a Reagir, a Reerguer-me, a Revelar o que de melhor há em mim, a Receber com humildade todas as aprendizagens que me fizeram chegar até ao dia de hoje.



Rosarinho

P.S. - Obrigada querida Susana pela tua paciência! As fotos ficaram lindas

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.