A batalha mais doce de Portugal

7 Maravilhas Doces de Portugal - Nozes de Cascais

Tesouros ancestrais, segredos conventuais, Nozes de Cascais! Este foi o nosso grito de guerra naquela que foi a batalha mais doce de Portugal. A claque estava vibrante e com uma imensa vontade de levar os doces da terra mais longe na competição. Jovens e seniores, juntos numa harmonia onde o reco-reco, o acordeão e o tambor impunham o ritmo da alegria. Não conseguimos passar à semifinal, mas saímos dos Jardins de Belém certos de que as nossas Nozes estão no mapa dos doces conventuais mais queridos de Portugal.

7 Maravilhas Doces de Portugal - Nozes de Cascais


O dia começou cedo e o autocarro esperava pela alegre claque que ansiava por fazer tremer o chão de Lisboa, com os seus cânticos e amor à terra. Pelo caminho, ensaiaram-se os gritos de guerra, vestiram-se as camisolas e limaram-se detalhes. Queríamos fazer boa figura em direto. A RTP 1 e as 7 Maravilhas Doces de Portugal® contavam connosco para ajudar à festa.

Falo-te das Nozes de Cascais, porque te quero contar como foi toda esta experiência de ser líder de claque. Mas as nossas deliciosas Areias, também estavam a concurso e foram muito bem defendidas pelo Sebastião - Areia no pé, areia na mão, Areias de Cascais no meu coração!

7 Maravilhas Doces de Portugal - Nozes de Cascais

Fomos recebidos em Belém por um calor de verão que ainda não chegou à nossa terra. Colocámos os chapéus de palha na cabeça e os leques na mão. Estávamos preparados para entrar no ar e gritar bem alto que éramos de Cascais e estávamos ali para defender a nossa doçaria. Os apresentadores José Carlos Malato e Vanessa Oliveira abriram as 'hostilidades' de mais uma batalha, onde guerreiros e guerreiras de jalecas e rolos da massa defendiam os seus doces territórios.

7 Maravilhas Doces de Portugal - Areias de Cascais


As Areias foram as primeiras a brilhar. Miguel Laffan apadrinhou e foi com muito carinho que apresentou esta receita 'humilde' que se faz de açúcar, banha, farinha e limão. Ao seu lado o Vereador da Câmara Municipal de Cascais, Nuno Piteira Lopes, defendeu com orgulho o doce mais conhecido da nossa vila.

Os nervos à flor da pele, lembravam-me da responsabilidade de liderar e de fazer bonita figura frente à câmara de televisão. Estava prestes a aparecer na caixinha mágica e não tive como evitar o voos das borboletas no estômago. Fui chamada para a maquilhagem e, num abrir e fechar de olhos, estava pronta para convencer os indecisos e mais resistentes a votarem.

7 Maravilhas Doces de Portugal, Tia Cátia, madrinha das Nozes de Cascais

7 Maravilhas Doces de Portugal - Nozes de Cascais e Areias de Cascais

O encontro entre líder de claque e madrinha das Nozes de Cascais, deu-se poucos minutos antes de irmos para o ar e foi com o coração cheio de alegria que conheci a Tia Cátia. Ela sorri com o olhar e a sua voz acolhe-nos num abraço doce. Adorei conhecê-la. A sua simpatia genuína é o ingrediente do seu sucesso. Ontem tive a certeza disso.

7 Maravilhas Doces de Portugal, Nozes de Cascais

Os ingredientes já estavam na mesa decorada pela mestria de Teresa Aires. E as nossas Nozes pareciam joias de outros tempos. A chef Cláudia Silva Mataloto falou desta iguaria conventual e revelou que o segredo apenas está no vidrado. Ainda assim, o que torna esta especialidade de Cascais tão especial e mítica (embora a Cláudia defenda que é fácil confecionar as Nozes) é precisamente este receio de pôr a mão na massa, mais precisamente na calda. São poucos os que se atrevem e menos os que conseguem chegar àquele ponto de perfeição.

7 Maravilhas Doces de Portugal. Nozes de Cascais
Foto- Teresa Aires, The Light Place 

Perfeita foi a nossa claque que, no direto, foi uma das mais entusiastas e entrou em delírio quando subimos para 4.º lugar. A repórter Inês Carranca juntou-se à festa. Fez-me algumas perguntas e dei o meu melhor. Porque nesta coisa de ser líder o segredo está na receita: 

100 ml de alegria

125 g de entusiasmo 
6 gemas de sorte
125 g de acreditar
Criatividade em pó 
100 ml de amor
250 g de doçura
3 gotas de boa disposição 
Loucura q.b.

7 Maravilhas Doces de Portugal

Não fomos pré-finalistas. As Nozes de Cascais ficaram em 5.º lugar. Os adversários eram de peso: Pastel de Nata, Fofos de Belas, Marmelada Branca de Odivelas, Queijadas de Sintra... conseguimos ficar à frente do Pudim de Abade e das nossas queridas Areias. Mas nesta batalha doce a estratégia era divulgar o nosso património gastronómico e isso foi conseguido com sucesso. A nossa equipa foi MARAVILHOSA! Ao longo desta campanha fomos guiados pela dedicação e pelo amor, nem mais nem menos, que  os dois elementos fundamentais para se conseguir fazer, na perfeição, o vidrado das Nozes de Cascais!

7 Maravilhas Doces dePortugal - Team Food Lab

Agradecimentos: 
À Cais 16 e à From Hand - Home Concept Store, por algumas das peças decorativas presentes nas mesas dos nossos doces

p.s. - Se quiseres arriscar, vai para a cozinha e experimenta fazer as nossas Nozes. Tens aqui a receita ;)

Rosarinho

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.